Como definir prioridades | 11 Dicas para ansiosos e indecisos


Várias vezes me pego perdida na vida sem saber que rumo tomar frente a tantas possibilidades que minha mente me apresenta e os múltiplos interesses que tenho. E isso piora quando minha mente está ansiosa, querendo resolver coisas que pertencem ao futuro, com muitas ideias, sem noção do que é prioridade e por fim por não saber o que fazer, ou escolho por impulso fazer tudo de uma vez e sofro a frustração de não dar conta e sentir que a vida está pesada, ou por medo de errar acabo optando por não fazer nada, o que leva a um sensação de frustração pela estagnação, que o tempo tá passando eu estou ficando pra trás. O quadro piora ainda mais quando me comparo com todas as pessoas que julgo estarem fazendo coisas mais legais e importantes que eu. Por fim, se você também é ansioso, tem a sensação de estar sempre atrasado e na dúvida e isso piora ainda mais a ansiedade.

Alguns lampejos de sanidade aparecem quando a mente aquieta. E já que agora é um desses momentos, por experiência, venho compartilhar com os ansiosos e indecisos o que eu faço para me organizar para manter um foco e de fato colocar algum plano em ação.

O ansioso quer tudo pra ontem e acha que não vai dar tempo de fazer tudo que quer. É importante se conscientizar que temos só 24 horas no dia e dessas 24 h temos que repartir para nosso trabalho, bem estar, alimentação, sono, vida social etc. Então, encare a verdade de frente, ACEITE que não vai ter como fazer tudo num dia, num mês ou num ano dependendo de tudo que você gostar e quiser fazer.

Então como resolver isso?

  1. Liste TUDO que você tem interesse. Eles não precisam ter conexão. (pode ser dança, aprender outra língua, cursos, viagens, pintura, etc)

  2. Defina o que você gostaria de viver a curto e a longo prazo.

  3. Escreva também na frente se é um hobby ou algo para melhorar ou iniciar seu trabalho/carreira. A dúvida aparece muitas vezes porque ficamos entre a razão e o coração e vira um nó na cabeça. Então, use também seu coração.

  4. Pergunte-se porque você quer fazer essas coisas? está faltando prazer no seu dia a dia? você sente que não dedica seu tempo para você e sua saúde (física-mental-espiritual)? ou sente que precisa se especializar na sua área?

  5. Agora que você listou tudo e fez essas perguntas, classifique sem medo de ser feliz, numa escala de 0 a 10 a importância que cada uma dessas atividades.

  6. Já sei, você deve estar falando: "MAS TUDO É IMPORTANTE, EU PRECISO DE TUDO ISSO". Tá dificil ainda assim? então pensa: Você vai ter dinheiro pra tudo?! O que dá para fazer agora e pode ter um retorno mais rápido, seja de prazer/bem estar ou dinheiro?

  7. Vá por exclusão: escreva na frente de cada um deles o que é possível fazer HOJE. Depois de escrever tudo tem coisas que tem alguns impeditivos como: é longe de casa ou do trabalho, se for uma curso tem data de início e as vezes é incompatível com sua agenda, veja o lado financeiro se dá ou não pra fazer que não vai te apertar.

  8. A indecisão é algo que consome a nossa energia de tal forma que não sobra pra viver a experiência, então escolha, mesmo que você estiver na dúvida. Entre não fazer nada e fazer pelo menos 1 coisa, escolha fazer essa uma coisa! É melhor que ficar parado quebrando a cabeça.

  9. Use o tempo pra aprender. Pense no que você vai ganhar tomando uma atitude: conhecimento, fazer contatos, trocar experiências com outras pessoas, etc.

  10. Para as outras atividades coloque metas. (algumas pode ser que com o tempo nem façam mais sentido para a vida que você estiver levando ou você pode ter encontrado o que buscava para saciar essa ânsia pelo fazer que não vai mais sentir necessidade de iniciar outras atividades)

  11. Assuma e honre sua escolha. Não fique olhando pra todas as outras atividades que você deixou pra trás porque senão não se entrega para a escolha que você fez agora. Coloque na cabeça assim: estou conscientemente fazendo essa escolha e vou viver ela da maneira mais intensa para ter o maior proveito possível. Em breve, continuo com as demais atividades. Cada uma a seu tempo.

PS: muitas vezes listamos coisas que gostaríamos de fazer por prazer e que negligenciamos por muito tempo e só de pensar em fazer sente CULPA, acha que é perda de tempo, como, por exemplo, fazer uma aula de dança ou um curso que não esteja ligado ao seu trabalho. Temos a sensação que é preciso dedicar todo o tempo livre pra se melhorar como profissional porque o mercado é competitivo e deixamos de lado algo essencial para nossa vida que é o lazer.

E se você percebeu que só aproveitou a vida até agora, só se divertiu e sua vida profissional ficou de lado e sente as consequências disso hoje, então, foque nessa área da vida.

Enfim, se você assim como eu só enxerga a vida em planilhas ahaha segue um modelinho:

O ansioso tem a sensação que precisa fazer tudo ao mesmo tempo senão vai estar perdendo alguma coisa ou sendo pior que alguém, e esquece que mais importante do que ter muitos interesses é colocá-los em ação, vivenciar, aprender com aquilo, com os erros e acertos. Temos a vida toda pela frente. Se não deu pra fazer nessa vida, fica tranquilo que tem muitas outras pela frente. =D

Posts Recentes
Arquivo
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Grey Instagram Icon
  • Grey YouTube Icon
  • Grey Pinterest Ícone
  • Grey Facebook Icon

© 2017 - 2020 por Thá com Vida