Pessoa certa ou errada: existe isso?

January 3, 2018

 

“Não devia ter casado com essa mulher”, “não sei como pude namorar um traste daquele”, “ah se eu soubesse disso antes preferia nem ter conhecido essa pessoa”, “quanto tempo meu que foi jogado fora, podia ter aproveitado a vida”. Você já pronunciou uma dessas frases ou já ouviu alguém falar isso?!

 

Quando tudo vai bem num relacionamento não pensamos sobre essas coisas. Queremos só pessoas boas, cheias de luz e amor pra dar. Agora, é só essa pessoa fazer algo que nos parece errado que a gente já a julga como o pior dos algozes da Terra e ainda nos colocamos no papel da vítima. E muitas vezes, não vemos que nós também somos os algozes. Sejamos honestos, difícil aceitar que erramos e fácil achar um culpado para nossa infelicidade.

 

Vemos o outro como algoz porque somos mestres em criar expectativas e com isso, naturalmente, nos desapontamos quando o parceiro, amigo ou familiar faz algo que sai do que achamos que seria o certo ele fazer ou que não esperávamos que ele o fizesse.

 

Como consequência disso sofremos por achar que fomos traídos ou enganados ou ainda que perdemos tempo demais com essa pessoa. E com a imaginação muito fértil então, já imagina o que vira isso?! ahhaha uma cena dramática cheia de diálogos que poderia virar novela da globo.

 

Osho já disse: "Uma vez que você tenha abandonado as expectativas, você aprendeu a viver. Então, tudo que acontece o satisfaz, o que quer que seja. Você nunca se sente frustrado, porque, em primeiro lugar, você nunca esperou. Dessa forma, a frustração é impossível."

 

Se não criássemos expectativa não criaríamos a frustração e nem a infelicidade. Se a causa do seu sofrimento é esse, então abandone a expectativa e compreende que somos humanos e que cada um tem uma visão e vai julgar você como certo ou errado dependendo de como cada um enxerga a vida.

 

Perda de tempo é não ter vivido, é ter evitado e se impedido de se experimentar na situação. Somos seres que precisam do contato com outros seres para evoluir. Se nos isolamos demais, nos protegemos demais do que possivelmente pode acontecer não crescemos, perdemos chances importantes de nos conhecer e se desenvolver moralmente.

 

As pessoas que você troca experiências são aquelas que você atraiu, que você escolheu para evoluir. São elas que vão te mostrar os seus lados positivos e negativos mesmo que isso doa e você não queira nunca mais ver essa pessoa. Ela é SIM a pessoa certa e veio com um propósito, para que você encarasse suas fraquezas e aprendesse com isso! Mas a todo momento você tem o poder de escolher se essa pessoa fica ou não na sua vida.

 

Deixa um pouco de lado essa ira ou tristeza que te consome e acalma sua mente. Se educa a ver tudo como uma grande escola com grandes professores, assim como você é também professor de muitas pessoas que cruza por aí. Se educa a aceitar que pela sua vida ainda vão passar muitas pessoas que vão te fazer sorrir e chorar mas que todas vieram por um motivo que hoje talvez você ainda não compreenda. E se educa a aceitar as pessoas como elas são, a perdoar porque ninguém aqui é perfeito e todos somos suscetíveis a errar.

Share on Facebook
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2017 - 2019 por Thá com Vida