Medo: realidade limitante

March 28, 2017

Olá, pessoal.

 

O medo é um dos assuntos que mais me encanta porque eu percebi o quanto ele me afetou, afeta e provavelmente vai afetar ainda. Por isso mais uma vez vou falar aqui sobre ele e como pode se apresentar no nosso cotidiano.

Antigamente o medo era uma emoção super necessária e foi em grande parte por conta disso que conseguimos manter nossa espécie viva até hoje. O caos em que vivemos atualmente pode nos dar a sensação de que precisamos continuar fugindo de alguma ameaça para nos mantermos protegidos e inteiros. Por não entendermos direito o que está acontecendo conosco deixamos essa situação prolongar e projetamos essa emoção em situações banais do dia a dia, que pode muitas vezes dificultar nossas vidas e atividades. Resultado: nos tornamos reféns do medo, e até nos tornarmos conscientes disso vamos fazendo todas as nossas escolhas baseada nele.

 

Para ilustrar um pouco mais sobre esse ponto peguei um trecho do livro "A Origem do Medo" de  Eckhart Tolle:

 

"A doença psicológica do medo não está presa a qualquer perigo imediato concreto e verdadeiro. Manifesta-se de várias formas, tais como agitação, preocupação, ansiedade, nervosismo, tensão, pavor, fobia, etc. Esse tipo de medo psicológico é sempre de alguma coisa que poderá acontecer, não de alguma coisa que está acontecendo neste momento."

 

Falando agora sobre como o medo se apresenta no nosso cotidiano temos desde algum simples como: medo de morrer, de dirigir, de acontecer algum acidente conosco ou alguém próximo, medo de sofrer, medo de doenças medo de errar, medo do escuro, medo de mudar, medo de se expor e ser julgado, medo de amar ou qualquer outra coisa simples ou mais complexa.

Mas também nosso querido medo se apresenta mascarado e pode ser conhecido por outros nomes, como:

 

 

  • controle e manipulação de situações ou pessoas.

  • agitação e ansiedade (como foi citado acima)

  • insegurança

  • baixa autoestima

  • culpa

  • vergonha

  • fobia

  • preocupação

  • agressividade

  • perfeccionismo

  • timidez

  • ciúmes

  • inveja

  • competição e comparação

  • julgamento

  • intolerância

 

Esses são alguns exemplos mas podem existir muitos outros e poderíamos aqui ficar falando horas sobre esse assunto mas será um tema recorrente aqui no blog.

 

Mas para finalizar, meu intuito aqui é alertar para o fato de nos tornarmos mais conscientes dessas emoções, de ficarmos atentos a realidade que estamos construindo tanto para nós quanto para as pessoas ao nosso redor, se é uma realidade baseada em algo rico que nos leva a algo maior ou algo pobre e limitado.

 

 

Direitos de imagem: <a href="http://www.freepik.com/free-photos-vectors/background">Background vector created by Freepik</a>

 

 

Share on Facebook
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2017 - 2019 por Thá com Vida