Limpeza das Serpentes e Traumas Intrauterinos

Já sabemos que a Alquimia tinha como intenção "transformar o chumbo em ouro" e numa analogia com o ser humano é ajudá-lo na sua evolução lapidando-o de um ser impuro para um ser mais puro e íntegro.

A limpeza das serpentes é um tratamento alquímico que visa limpar registros negativos da nossas células, registros estes herdados pela herança genética transferida de geração para geração, e com isso vivermos mais livres da teia familiar e passar para futuras gerações padrões mais positivos e benéficos para a evolução da nossa espécie.

 

Para compreender a limpeza das serpentes precisamos antes pincelar alguns conhecimentos prévios a respeito da nossa complexidade.

Além do nosso corpo físico, também somos formados pelo corpo áurico, e nesse corpo áurico estão localizados nossos chakras. Chakras são vórtices de energia que vibram numa frequência muito elevada e que não é visível para a maioria das pessoas. Pessoas que tem a habilidade psíquica de clarividência conseguem ver as cores e os movimentos dos chakras. Cada chakra vibra numa cor, está conectado a uma glândula, e fazem troca constante de energia entre o nosso corpo e o meio em que estamos. Por isso é possível sentir quando uma pessoa não está bem, se um ambiente é bom ou não, e etc. Quando um chakra está desequilibrado podemos ter sintomas físicos ou emocionais como ansiedade, irritabilidade, sensação de estar flutuando, dores frequentes de garganta, problemas hormonais, etc.

 

Tudo que nos acontece, o que sentimos, a forma que sentimos e reagimos às situações criam registros que são transformados em luz para serem arquivados nos nossos chakras.

 

Os 7 chakras principais são:

  • básico (vibra na cor vermelha)

  • sexual (vibra na cor laranja)

  • umbilical (vibra na cor amarela)

  • cardíaco (vibra na cor verde)

  • laríngeo (vibra na cor azul claro)

  • frontal (vibra na cor azul índigo)

  • coronário (vibra na cor lilás)

 

Portanto, cada experiência que vivemos nos gera uma emoção que vibra numa determinada frequência e por consequência vai encontrar dentro do nosso corpo áurico nos chakras um lugarzinho especial para ser guardada.

 

E o que isso tem a ver com a Limpeza das Serpentes?

 

Os antigos alquimistas deixavam os registros de seus estudos em forma de símbolos como forma de preservarem suas descobertas.

 

O caduceu de Hermes é um símbolo composto por um bastão e 2 serpentes que se entrelaçam até se encontrarem no topo do bastão. Essas 2 serpentes representam a energia feminina e masculina, o DNA entrelaçado de pai e mãe, nossa herança genética. Como também pode ser entendida como energias contrárias que se complementam e cada entrelaçamento também se refere a cada um dos nossos chakras.

 

Portanto, da união do nosso pai e da nossa mãe, nascemos e também compartilhamos consciente e inconscientemente, informações e padrões repetitivos da família.

Nosso DNA é composto de uma parte fixa (2%) e outra volátil (98%) (conhecido como DNA “lixo”).

O DNA fixo é aquele que determina nossa cor de cabelo pele, estrutura corporal, altura, doenças genéticas que são incuráveis porém tratáveis.

E o DNA volátil é um campo de infinitas possibilidades, que antes acreditavam não ter utilidade, é na verdade composto por crenças, padrões positivos e negativos de pensamento e comportamento, doenças curáveis e que podem ser “ligados e desligados”.  (Veja essa matéria sobre DNA da Istoé)

A serpente masculina/ paterna é responsável pelos chakras básico, umbilical e laríngeo; e a serpente feminina/materna é responsável pelos chakras sexual, cardíaco e frontal.

E no último chakra, o coronário, se dá a união das 2 serpente.


 

Traumas intrauterinos

 

Os traumas intrauterinos são aqueles gerados durante o período gestacional e também são responsáveis por causar doenças já que durante essa fase os chakras estão sendo formados e já estão armazenando informações. Muitas doenças degenerativas são causadas por conta dos traumas intrauterinos.

Durante a gravidez surgem muitas dúvidas, incertezas, raiva e medos, assim como toda a alegria, amor e emoções positivas, e o bebê sente tudo isso junto. Isso pode ser um fator gerador de culpa para mães que têm consciência da importância de se cuidarem em todos os níveis pois a fase gestacional vai ter impacto durante quase que toda a vida da criança. Mas, mães, fiquem calmas. Não há com o que se preocupar. Está tudo certo. Isso é normal, somos humanos, sentimos emoções e cada pessoa nasce na família certa pois era a necessária e a melhor para a própria evolução.  


 

Por que esse tratamento é importante?

Por conta do nosso DNA e do campo morfogenético estamos conectados e emaranhados na teia familiar. E por receber já uma carga imensa de dados estamos sujeitos a sofrer de doenças e condições emocionais, mentais e espirituais que a família compartilha. Algumas pessoas têm um ótimo relacionamento com pai e mãe, e outras vivem conflitos, guardam mágoas e todas essas experiências criam marcas profundas que como vimos ficam arquivadas nos chakras e isso reflete na nossa vibração como um todo e nas futuras experiências que viveremos, as pessoas que vamos atrair para nos relacionar, os problemas financeiros e assim por diante.

Quando essas questões conflituosas não estão bem resolvidas e integradas na nossa vida e na consciência, esses registros vão criando uma espécie de ferida que atinge primeiro o campo emocional e campo mental gerando problemas emocionais, confusão mental e etc. Se ignoramos esses primeiros sinais, as doenças começam a atingir agora o corpo físico como um meio de nos chamar para Cura.

 

Para melhor compreensão vamos a um exemplo prático.

Como vimos acima, os chakras referentes ao pai são o básico, que fala da nossa segurança, se sentir protegido e estável. O chakra umbilical fala do nosso poder pessoal, da nossa garra e autoconfiança. E o chakra laríngeo fala da nossa expressão, comunicação e do intelecto mais concreto e racional.

Uma pessoa que teve o pai ausente ou grandes conflitos com a figura paterna, na sua maioria tem todos ou pelo menos um dos chakras paternos em desequilíbrio e podem sofrer com baixa autoestima, baixa autoconfiança, dificuldade de fala, de aprendizado, ter dificuldade de se estabilizar na vida, como se sempre estivesse faltando “chão” para essa pessoa, e até mesmo condições físicas como problemas na coluna, pernas, na região do estômago e garganta.

 

Assim como uma pessoa pode ter sofrido abuso sexual e por essa experiência estar relacionada com o chakra sexual afetando a serpente da mãe, podendo mais tarde, ter dificuldade de relacionamento, culpa, baixa autoestima, problemas no útero ou ovários, bem como em locais relacionados aos outros chakras maternas, como região do coração e cabeça.

 

A relação com a nossa família, com o masculino e o feminino, e a forma como sentimos os acontecimentos é a base para tudo que desenvolvemos na vida, mas isso não significa que precisamos continuar perpetuando erros ou padrões negativos, carreando pesos e seguir o mesmo caminho que nossos familiares.

 

A função dos florais alquímicos é proporcionar limpezas profundas no nosso DNA volátil o que os tornam uma maravilhosa ferramenta de cura capaz de dar força para realizarmos mudanças incríveis na nossa saúde, na nossa vida e dos nossos sucessores através da transformação da energia.

 

Como funciona o tratamento

 

No geral, para adultos, a limpeza completa leva 5 meses. Onde nos 2 primeiros meses faremos a limpeza dos chakras, nos próximos 2 meses é a etapa da dinamização (fortalecimento) da energia masculina e feminina, e o 5º mês é integração de todas as informações no chakra coronário.

 

A primeira sessão dura em torno de 1h e as subsequentes até 30 minutos e são feitas via chamada de vídeo do Skype ou Whatsapp. As sessões são necessárias para fazer acompanhamento do cliente e realizar a troca dos florais.

 

Para checar valor das sessões dos pacotes, horários e valor dos florais, entre em contato aqui.

 

Para quem é indicado?

Para todas as pessoas de todas as idades. Todos temos em maior ou menor grau problemas de saúde, de relacionamento, financeiros que são herdados pelo padrão familiar. Portanto, esse é um tratamento fundamental antes de partimos para o uso dos florais astrológicos que serão utilizados baseados no seu mapa astral.

 

Os florais alquímicos tem a ver com religião?

Não.

 

Alguma contraindicação?

Mulheres grávidas também devem evitar esse tratamento durante a gravidez.

Pessoas que tem alguma intolerância ou sensibilidade a álcool. O álcool é o conservante dos florais, portanto, o gosto vai ser forte.

 

A quantidade de álcool que vou tomar durante cada uma das doses dos florais vai me causar prejuízos no trânsito?

Não. A quantidade para cada dose é muito inferior ao limite aceito nos testes de bafômetro e não causa embriaguez.

​Posso ter efeitos colaterais?

Cada pessoa é única e vai responder ao tratamento de uma forma. Umas se sentem muito bens, e outras tem o que chamamos de “cura evolutiva ou crise de cura”, ou seja, podem ter sintomas já existentes aumentados, choro, sensação de raiva, tristeza, dores físicas.

  • Grey Instagram Icon
  • Grey Facebook Icon
  • Grey YouTube Icon

© 2017 - 2019 por Thá com Vida